Bem Vindo Visitante 8478544. Hoje é Terça-Feira, 21 de Outubro de 2014· PESQUISAR · SITEMAP · VERSÃO INGLÊS

Produced by Adrian Frey   |   Developed by Claudio Fauvrelle
Vodacom Mozambique
 
KPMG Mozambique
 
Publicidade
Anuncie Aqui!

Motorcare Moçambique
Crystal Smile
 
Últimos Classificados

Salgados Caseiros (37)
Para Aluguer: Escritórios Modernos E Mobilados (311)
Mitsubishi Pajero Io (661)
Oferta De Trabalho Na Escola Françesa De Maputo (1179)
Terrenos No Bilene (1096)
1999 Honda Crv (833)


Últimos Concursos

Prestação De Serviços, Empreitada De Obras, E Fornecimento
Construção Da Residência Protocolar Da Dpturi
Reabilitação Da Residência Da Dpji
 

Moçambique Câmbios

MoedaCompraVenda
EUR39,3439,60
USD30,7530,95
ZAR2,772,79

Data: 20/10/2014
Fonte: Banco Moçambique
Admin LogIn
Username

Password



Noticias para Investimento

Investimento directo estrangeiro em 2011 atingiu cinco mil milhões USD




Ouvir com webReader
Enviar a um Amigo!


Publicidade




clubofmozambique (2012-03-23) O investimento directo estrangeiro em Moçambique atingiu 5 mil milhões de dólares americanos ao longo do ano passado, segundo o CPI.

António Macamo, do Centro de Promoção de Investimentos (CPI), falando ontem, em Maputo, à margem de um seminário económico que contou com a presença de representantes de 13 empresas francesas, referiu ainda que de 2001 a 2010 o investimento estrangeiro totalizou 170 mil milhões de USD.

O bom ambiente de negócios aliado à estabilidade política e incentivos fiscais são apontados por António Macamo como as principais razões do incremento cada vez maior do investimento estrangeiro no país.

A lista dos sectores que mais investimento estrangeiro tem absorvido, segundo o CPI, é liderada pela agricultura e agro-indústria.

Para além da agricultura e agro-indústria, os sectores de energia, exploração de recursos minerais, transportes e comunicações, construção de infra-estruturas como pontes, estradas e grandes edifícios, bem como o turismo são áreas que também o ano passado atraíram investimentos.



China lidera a lista de maiores investidores estrangeiros em 2011



De acordo com António Macamo, do Centro de Promoção de Investimentos (CPI), a República da China investiu em Moçambique durante 2011, acima de 300 milhões de dólares americanos, tendo por via disso “assaltado” a liderança da lista de maiores investidores estrangeiros, destronando, deste modo, a África do Sul e Portugal, que ao longo dos últimos anos alternavam o primeiro lugar.

A construção, a agricultura e a agro-indústria são as áreas que mais investimentos chineses têm absorvido até ao momento, segundo a fonte que temos estado a citar.

A seguir à China, ou seja, em segundo lugar, encontra-se a África do Sul com investimentos acima de 200 milhões/USD.

O destaque vai ainda para Portugal que, apesar da grave crise económica e financeira, continua a ser um dos maiores investidores em Moçambique.

No ano passado, o volume de investimento português em Moçambique atingiu 200 milhões de dólares americanos, o que lhe permitiu ficar em terceiro lugar na lista dos maiores investidores estrangeiros. Segundo António Macamo, este estatuto fica a dever-se ao facto de o investimento português ser muito diversificado, ou seja, estar em várias áreas com destaque para agricultura, agro-indústria, energia, construção e turismo e transportes e comunicações.

Mais de 40 mil novos postos de trabalho foram criados em 2011



O CPI adianta que pelo menos 40 mil novos postos de trabalho foram criados ao longo do ano passado como resultado directo dos investimentos estrangeiros.

O turismo, a construção de infra-estruturas e agricultura são, segundo António Macamo, os sectores que mais novos postos de emprego criaram durante o período em análise.

“Por isso, uma das grandes apostas do Governo, neste momento, é a atracção de mais investimentos, uma vez que, para além de tornar a economia moçambicana estável, tem contribuído grandemente para a criação de novos postos de trabalho”, sublinhou Macamo, para depois acrescentar que “o nosso país possui enormes oportunidades de investimentos e de negócios ainda por explorar em diversas áreas com destaque para a exploração dos recursos minerais e produção de energia”.

“Falta apenas a sua divulgação cada vez maior a nível internacional e internamente para que mais investidores explorem essas oportunidades”, concluiu António Macamo.

Fonte: Canalmoz



Pin It




Comentar Print this article | Esta notícia foi lida : 1811 vezes.

Publicidade
Anuncie Aqui!

BeForward Japanese Used Cars
Parceiros


Vodacom Moçambique


Cardoso Hotel


MMO, Mozambique Managed Offices Lda


Internet Solutions


Frexpo


Pam Golding Mozambique


Combustíveis
Gasolina Diesel
MT47.52 p/litro* MT36.81 p/litro*

* preços vàlidos para Maputo, Beira e Nacala

O Governo alterou os preços no dia 06/07/2011
Visto melhor com uma resolução de 1024x768 px.
   WAP Enabled