Bem Vindo Visitante 7401020. Hoje é Quinta-Feira, 24 de Abril de 2014· PESQUISAR · SITEMAP · VERSÃO INGLÊS

Produced by Adrian Frey   |   Developed by Claudio Fauvrelle

 
KPMG Mozambique
 
Publicidade
Anuncie Aqui!

Motorcare Moçambique
 
Últimos Classificados

Frexpo Auto: Vende-se Volvo S80 2.0t (112)
Frexpo Auto: Vende-se Volvo Xc90 T6 (117)
Camião E Veículo à Venda (179)
AnÚncio De Vagas Save The Children 2 (349)
AnÚncio De Vagas Save The Children (246)
Club Of Mozambique: Vaga De Jornalista (299)


Últimos Concursos

Fornecimento De Aparelhos De Ar-condicionado
Fornecimento De Prestação De Serviços De Viagens
Fornecimento De Equipamento Informático
 

Moçambique Câmbios

MoedaCompraVenda
EUR41,9842,26
USD30,4330,63
ZAR2,912,93

Data: 14/04/2014
Fonte: Banco Moçambique
Comentários

Envie-nos seu comentário sobre este website.

Últimos Comentários
Visitantes Online
Online Visitors: 21

Admin LogIn
Username

Password



Noticias para Moçambique

Ensino Secundário Geral: Seleccionados livros de uso obrigatório




Ouvir com webReader
Enviar a um Amigo!


Publicidade
Hotel Cardoso




(2012-01-14) O Ministério da Educação seleccionou um conjunto de livros de uso obrigatório a partir do ano lectivo 2012 no Ensino Secundário Geral. Excepcionalmente, este ano ainda será permitido o uso de livros que não façam parte do lote adoptado, prerrogativa que o MINED adverte que já não será aplicável em 2013.

Os livros adoptados são adstritos a cinco editoras nacionais, nomeadamente a Plural Editores, a Texto Editores e a Longman Moçambique, que fornecem livros da 8ª à 12ª classe, e a Distribuidora Nacional de Material Escolar (DINAME) e Alcance Editores, que respondem pelos manuais da oitava e nova classes, esta última apenas nas disciplinas de Geografia e História.

O porta-voz do Ministério da Educação, Eurico Banze, explica que a decisão de seleccionar livros de uso obrigatório nas escolas do Ensino Secundário Geral seguiu-se a uma avaliação feita por uma equipa técnica da instituição ao conjunto de títulos pertencentes a diversas editoras, que eram usados naquele nível. A ideia, segundo a fonte, é assegurar uniformidade nos conteúdos ministrados a alunos da mesma classe em diferentes escolas.

Considerando que algumas editoras seleccionadas estão autorizadas a fornecer títulos da mesma disciplina e classe, o Ministério da Educação orientou as escolas, através dos Conselhos de Escola, a procederem à escolha, sob proposta do grupo de disciplina, dos livros a serem usados em cada disciplina.

“Sabemos que há pais e encarregados de educação que já adquiriram livros para os seus educandos, alguns dos quais não constam da lista agora adoptada pelo Ministério. A esses queremos tranquilizar dizendo que este ano, esses livros ainda podem, em paralelo mas, a partir de 2013, a instrução é o uso exclusivo do conjunto de livros adoptados pelo Governo”, explica a nossa fonte.

Enquanto isso, o Ministro da Educação, Zeferino Martins, inaugura próxima segunda-feira, a Escola Secundária de Kuphe, no distrito de Chiúre, província de Cabo Delgado, em cerimónia integrada na abertura oficial do ano lectivo de 2012. A construção da referida escola é parte de um projecto financiado pelo Banco Islâmico de Desenvolvimento (BID), que compreende ainda as obras de reabilitação das Escolas Secundárias 29 de Setembro da Maxixe, de Nacala e de Dondo, bem como a construção de raiz da Escola Secundária de Namarrupi, em Murrupula, província de Nampula.

A construção destas infra-estruturas insere-se no objectivo geral de alargar a rede escolar e aumentar o acesso àquele nível de ensino, bem como contribuir para o melhoramento da qualidade do ensino ao proporcionar melhores condições de trabalho aos alunos e professores.

Fonte: Notícias


Pin It




Comentar Print this article | Esta notícia foi lida : 901 vezes.

Publicidade
Anuncie Aqui!

BeForward Japanese Used Cars
Parceiros


Vodacom Moçambique


Cardoso Hotel


Internet Solutions


Frexpo


Pam Golding Mozambique


LM Radio


Opinião
Qual a sua opinião acerca da inspecção de viaturas?

Uma boa decisão!

Deviam melhorar as infra-estruturas primeiro!

Discordo, não é preciso!

As exigências são muito severas, não há dinheiro para tantas alterações!

Combustíveis
Gasolina Diesel
MT47.52 p/litro* MT36.81 p/litro*

* preços vàlidos para Maputo, Beira e Nacala

O Governo alterou os preços no dia 06/07/2011
Visto melhor com uma resolução de 1024x768 px.
   WAP Enabled